Expediente: Seg a Sex: 09hs-18hs

Curitiba-PR

(41) 3222 3301

Paranaguá-PR

(41) 3423 0887

PUBLICAÇÕES

Leia mais...

Aposentadoria Especial após a reforma da previdência

Após a aprovação da Reforma da Previdência, mesmo quem não solicitou seu benefício possui direito a aposentadoria especial, isso se aplica aos segurados que completaram 25 anos de trabalho em contato com agentes nocivos a saúde pela Lei 8.213/1991. E também para aqueles que completarão futuramente este tempo, haja visto que a Aposentadoria especial foi mantida após a reforma com algumas alterações.

 

Leia mais...

FORMAS DE AUMENTAR A SUA APOSENTADORIA PERANTE O INSS

Atualmente existem dois benefícios perante o INSS que concedem aposentadoria de 100% da média , são tipos de aposentadoria que não aplicam o fator previdenciário, garantindo, portanto que a renda seja mais alta, tais benefícios são a aposentadoria especial e a fórmula 86/96, ambos estão fulminados pela Reforma da Previdência!

 

Leia mais...

APOSENTADORIA ESPECIAL DO AUTÔNOMO

Apesar do INSS defender a tese de que os profissionais autônomos não se enquadram na condição de contribuinte individual, não tendo direito à aposentadoria especial, é de suma importância deixar claro que é perfeitamente possível a aposentadoria especial do profissional liberal, quando este está sujeito à atividade que prejudique a sua saúde ou integridade física, durante 15, 20 ou 25 anos, dependendo do grau de insalubridade da atividade exercida (artigos 57 e 58 da lei 8.213/91).

 

Leia mais...

FORMAS DE AUMENTAR A SUA APOSENTADORIA PERANTE O INSS

Atualmente existem dois benefícios perante o INSS que concedem aposentadoria de 100% da média, são tipos de aposentadoria que não aplicam o fator previdenciário, garantindo, portanto que a renda seja mais alta, tais benefícios são a aposentadoria especial e a fórmula 86/96, ambos estão fulminados pela Reforma da Previdência!

 

Leia mais...

A REFORMA DA PREVIDÊNCIA ACABARÁ COM A APOSENTADORIA ESPECIAL

A legislação em vigor prevêa aposentadoria especial aos trabalhadores que tiverem trabalhado sujeitos a condições especiais durante 15, 20 ou 25 anos de contribuição.Isso significa, atualmente, para muitos segurados que trabalham com insalubridade ou periculosidade como ruído, área da saúde, arma de fogo, eletricidade, agentes químicos, entre outros, que basta ter exercido esse labor por 25 anos que terão direito a uma aposentadoria que não exige idade mínima e garante 100% do salário de contribuição.

 

1 de 6 >   >>